terça-feira, 13 de Março de 2012

Dia da Mulher



Dia Internacional da Mulher





8 de março



Todos os dias...são dias para celebrar grandes mulheres

No Dia Internacional da Mulher, a biblioteca escolar recordou algumas mulheres que, em distintas áreas, tiveram um importante contributo para a história de Portugal e do Mundo. Da política, às artes, da religião, ao desporto, foram muitas as mulheres que lutaram pela igualdade de direitos e pela afirmação do sexo feminino.

Dia 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos, situada em Nova Iorque, fizeram greve, reivindicando melhores condições de trabalho, tais como, a redução da carga horária, a equiparação de salários (as mulheres recebiam um terço do salário de um homem pelo mesmo tipo de trabalho) e o tratamento digno no trabalho.

Em 1910, durante uma conferência na Dinamarca, foi decidido que o dia 8 de março passaria a ser o Dia Internacional da Mulher, em homenagem a estas mulheres. Mas só passados 65 anos, a data foi oficializada pelas Nações Unidas.

O objetivo da data não é apenas comemorar, mas discutir o papel da mulher na sociedade atual, procurando acabar com o preconceito e a sua desvalorização.

Nestas fotos encontrará apenas algumas das grandes mulheres que mudaram o rumo da história e das sociedades, sendo certo que foram muitas mais as que contribuíram.



Indira Gandhi (1917-1984) primeira mulher a ocupar o cargo de chefe do governo indiano. Combateu com grande rigor os problemas económicos e sociais provocados pela explosão demográfica e corrupção. Condenada por fraude eleitoral em 1975.



Sophia de Melo Breyner (1919-2004) uma das mais importantes poetisas portuguesas do século XX. Foi a primeira mulher portuguesa a receber o Prémio Camões, em 1999, o mais importante galardão literário da Língua Portuguesa.


Margaret Thatcher (1925) primeira e única mulher a assumir a chefia do Governo britânico, entre 1979 e 1990.

Madre Teresa de Calcutá (1910-1997) missionária católica albanesa, nascida na República da Macedonia e naturalizada indiana. Foi beatificada pela Igreja Católica em 2003. Por muitos considerada a missionária do século XX.

 
Eva Peron (1919-1952) atriz e líder política. Tornou-se primeira-dama da Argentina quando o general Juan Domingo Perón foi eleito. Defensora dos pobres, miseráveis e explorados, por isso muitas Eva Peron (1919-1952) atriz e líder política. Tornou-se primeira-dama da Argentina quando o general Juan Domingo Perón foi eleito. Defensora dos pobres, miseráveis e explorados, por isso muitas vezes vista como uma militante de esquerda, embora nunca o tenha sido vezes vista como uma militante de esquerda, embora nunca o tenha sido.

Amália Rodrigues (1920-1999) fadista, cantora e atriz portuguesa, considerada o exemplo máximo do Fado e aclamada como a “Voz de Portugal”. Amália Rodrigues está sepultada no Panteão Nacional, entre os portugueses mais ilustres.
Marie Curie (1867-1934) cientista polonesa. Primeira pessoa laureada com o Prémio Nobel de Física, pelas suas descobertas no campo da radioatividade. Primeira a quem foi atribuído o Nobel da Química, e Joana d'Arc (1412-1431) francesa, descendente de camponeses, heroína da Guerra dos Cem anos. Foi canonizada em 1920, quase cinco séculos depois de ter sido queimada viva. (Direitos Reservados)m 1911.
Eunice Muñoz (1928) atriz de referência do teatro, televisão e cinema. Considerada uma das melhores actrizes nacionais de todos os tempos. Tem sido alvo das mais diversas homenagens, entre as quais a atribuição do seu nome ao Auditório Municipal de Oeiras.




Maria de Lurdes Pintassilgo (1930-2004) engenheira química, dirigente eclesial e política. Única mulher que desempenhou o cargo de primeiro-ministro em Portugal (V Governo Constitucional). Segunda primeira-ministra em toda a Europa, depois da tomada de posse de Thatcher.

Elizabeth Taylor (1932-2011) premiada atriz, nascida em Inglaterra, pioneira em acções filantrópicas. Em 2001 recebeu a Presidential Citizens Medal. Na foto a sua escultura de cera no museu Madame Tussauds, lembrando um dos pontos altos da carreira: o filme Cleópatra.
Sophia Loren (1934) uma das mais conhecidas e prestigiadas actrizes italianas. Ganhou fama mundial em 1962, quando recebeu o Óscar de Melhor Atriz pelo filme "Duas Mulheres", que também lhe rendeu o prémio de Melhor Atriz no Festival de Cannes.
Dilma Rousseff (1947) economista e política brasileira, filiada ao Partido dos Trabalhadores. Atual presidente da República Federativa do Brasil. Durante o governo do ex-presidente, assumiu a chefia do Ministério de Minas e Energia, e posteriormente, da Casa Civil.

Rainha Isabel II (1926) é a mais velha monarca britânica de todos os tempos. Só no Reino Unido o seu reinado passou pelo governo de doze primeiros-ministros diferentes.




Rosa Mota (1958) atleta portuguesa já fora de atividade, mas considerada uma das melhores maratonistas do século XX. Campeã Olímpica, campeã do Mundo e três vezes campeã europeia. Rosa Mota foi também distinguida, quatro vezes, com Ordens honoríficas de Portugal.

Fotos da atividade da Biblioteca Escolar :








Sem comentários:

Enviar um comentário