segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Poema - "O Dia dos Direitos do Homem"


Mostra-nos sempre imperfeitos
este dia que revela
os nossos muito defeitos,
já que a justiça do mundo
por igual deve servir
os homens e as mulheres
sem ninguém querer excluir.
E se os direitos são humanos,
da igualdade hão-de fazer
a regra que nos imponha
os princípios a valer,
que são sempre os que mais contam,
aconteça o que acontecer.

José Jorge Letria, in O Livro dos Dias

Sem comentários:

Enviar um comentário