sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Dia Europeu das Línguas


Dia Europeu das Línguas
O dia 26 de setembro é consagrado às línguas europeias desde 2001. A Europa encerra um verdadeiro tesouro linguístico: 23 línguas oficiais e mais de 60 línguas regionais ou minoritárias, além das línguas faladas pelas pessoas de outros países e continentes que vivem na Europa. Precisamente para chamar a atenção para este imenso património linguístico, a União Europeia e o Conselho da Europa tomaram a iniciativa de comemorar o Ano Europeu das Línguas em 2001.
O «Dia Europeu das Línguas»
 O Dia Europeu das Línguas celebra este ano o seu 12.º aniversário. Devido à crescente importância da diversidade linguística e da aprendizagem de línguas por toda a Europa, o CIEJD confere este ano um especial destaque à língua portuguesa, a 3.ª língua europeia mais falada no mundo e língua oficial em oito países.
Para comemorar a diversidade linguística e fomentar a aprendizagem das línguas, e uma vez que as línguas são um dos fundamentos da construção europeia, celebra-se atualmente o Dia Europeu  das Línguas, cujos  objetivos são: sensibilizar o público para o plurilinguismo na Europa, cultivar a diversidade cultural e linguística e incentivar as pessoas a aprenderem línguas, dentro e fora do contexto escolar. Numa sociedade globalizada, o domínio de línguas estrangeiras pressupõe mais possibilidades de encontrar um emprego e de ter uma vida melhor.
 
O Dia Europeu das Línguas (DEL) é comemorado todos os anos, desde 2001, em 26 de setembro, por iniciativa do Conselho da Europa. A razão de ser deste dia “especial” é celebrar a diversidade das línguas e das culturas existentes no espaço europeu.
Para comemorar simbolicamente o Dia Europeu das Línguas, no dia 26 de setembro de 2013 (5ª feira), a Biblioteca Escolar propõe a todos os alunos diversas atividades, durante todo o dia.

 

Objetivos:

ü  Chamar a atenção dos alunos para a importância de aprender línguas;
ü  Promover a tomada de consciência e o respeito por todas as línguas;
ü  Sensibilizar para os aspetos divergentes e coincidentes, nos provérbios das diferentes línguas.
ü  Promover a riqueza da diversidade cultural e linguística da Europa;
ü  Encorajar a aprendizagem ao longo da vida fora do contexto escolar.
Esperamos que não fiquem indiferentes a esta iniciativa, pois as línguas são uma ferramenta fundamental na comunicação e permitem-nos alcançar nos horizontes.
 
Aprender línguas favorece a comunicação entre as pessoas e afasta muitas barreiras interculturais!
 
Participa!



sexta-feira, 13 de setembro de 2013