sábado, 1 de outubro de 2011

Dia Europeu das Línguas
Para celebrar o Dia Europeu das Línguas, que este ano comemorou o seu 10º aniversário, a Biblioteca Escolar promoveu no dia 26 de Setembro e durante toda a semana, uma atividade subordinada ao tema: “A língua Portuguesa em Destaque”. Pretendeu-se com a escolha do tema conferir particular realce àquela que é a 3ª língua europeia mais falada no mundo e língua oficial em oito países. O Dia Europeu das Línguas (DEL) é comemorado todos os anos, desde 2001, em 26 de setembro, por iniciativa do Conselho da Europa. A razão de ser deste dia “especial” é celebrar a diversidade das línguas e das culturas existentes no espaço europeu.
Assim, foram elaborados e distribuídos marcadores de livros para assinalar e comemorar a data.




Dia Europeu das Línguas
Journée Européenne des Langues
European Day of Languages
Dia Europeo de las Lenguas

Agrupamento de Escolas de Santa Cruz da Trapa 26 de setembro de 2011

Em articulação com as docentes de línguas estrangeiras, foi organizada uma atividade para os alunos do 2.º e 3.º ciclos, reunindo um grande grupo de alunos falantes de outras línguas. Aprender línguas não só favorece a comunicação entre as pessoas, como afasta muitas barreiras interculturais. Numa sociedade cada vez mais globalizada, o domínio de línguas estrangeiras subentende mais possibilidades de encontrar um emprego, de levar uma vida melhor no seu país de origem e noutras partes do mundo.
Foi proposto aos alunos um “Workshop de provérbios”, com os seguintes objetivos:
-Chamar a atenção dos alunos para a importância de aprender línguas;
- Promover a tomada de consciência e o respeito por todas as línguas;
- Sensibilizar para os aspetos divergentes e coincidentes, nos provérbios das diferentes línguas.
Tivemos fantásticas revelações de alguns alunos!
Aqui ficam alguns registos das respostas mais corretas.


Provérbios de língua inglesa
Provérbio: While there´s life, there´s hope. Equivalente em Português: Enquanto há vida, há esperança. Explicação: Vale sempre a pena lutar até ao fim. (David Lima e Francisco, do 5º A)
Provérbio: A close mouth catches no flies. Equivalente em Português: Em boca fechada não entre mosca. Explicação: Às vezes é melhor estar calado para não dizer asneiras. (Beatriz e Diana Santos, do 5º C)
Provérbio: Love sees no faults. Equivalente em Português: O amor é cego. Explicação: Quando se gosta de alguém, não se reconhece os erros e os defeitos dessa pessoa. (Ana Gonçalves, do 9º C)
Provérbio: Looks can be deceiving. Equivalente em Português: As aparências enganam. Explicação: Às vezes julgamos as pessoas como elas são por fora e dentro são outra coisa. (Rafaela e Vânia, do 9º A)
Provérbio: Better late than never. Equivalente em Português: Antes tarde do que nunca. Explicação: Mais vale chegar tarde em vez de não chegar . (Cristiana e Inês Teixeira, do 7º A)
Provérbio: When in Rome, do like the Romans. Equivalente em Português: Quando em Roma, faça como os Romanos. Explicação: Quando estás integrado num certo local, tens de agir como os seus habitantes. (Ana e Carolina, do 9º B)
Provérbio: When in Rome, do like the Romans. Equivalente em Português: Quando em Roma, faça como os Romanos. Explicação: Quando estás integrado num certo local, tens de agir como os seus habitantes. (Ana e Carolina, do 9º B)

Provérbios de língua espanhola
Provérbio: Más vale pájaro en mano que ciento volando”. Equivalente em português: Mais vale um pássaro na mão do que cem a voar. Explicação: Temos de nos contentar com o que temos. (Ângela e Sílvia, 9ºB)
Provérbio: Quien avisa no es traidor. Equivalente em português: Quem te avisa teu amigo é. Explicação: Se for um bom amigo diz o que pensa para teu bem, mesmo que não concorde contigo. (Rodrigo e Diogo R., 8ºA)
Provérbio: Cuando el gato está ausente, los ratones se divierten. Equivalente em português: Patrão fora, dia santo na loja. Explicação: Quando não temos ninguém para nos controlar ou dizer se fazemos bem ou mal, nós fazemos aquilo que nos convém e o que nos apetece. (Filipa e Fátima, 9ºB)
Provérbio: La gallina de mi vecina siempre es más gorda que la mía. Equivalente em português: A galinha da vizinha é sempre mais gorda do que a minha. Explicação: As coisas das outras pessoas são sempre melhores do que as nossas. (Cristiana e Rafaela, 7º C)
Provérbio: En boca cerrada no entran moscas. Equivalente em português: Em boca fechada não entram moscas. Explicação: Mais vale ficar calado do que dizer asneiras. (Paulo e Sónia 8ºA)
Provérbio: A buen entendedor, pocas palabras bastan. Equivalente em português: Para bom entendedor meia palavra basta. Explicação: Uma pessoa que percebe bem as coisas, não precisa de ouvir muitas explicações. (Ana Carolina 9ºC)

Provérbios em língua francesa
Provérbio: Quand on veut, on peut. Equivalente em português: Querer é poder. Explicação: Quando queremos alguma coisa, devemos lutar por isso. (Ana Isabel e Ana Rita, 9ºA)
Provérbio: La meilleure defense c’est l’ataque. Equivalente em português: A melhor defesa é o ataque. Explicação: Para a melhor defesa, a tática é o ataque. (Rafaela e Vânia R., 9ºA)
Provérbio: Qui ne risque rien, n’a rien. Equivalente em português: Quem não arrisca não petisca. Explicação: Quem não arriscar, não tem o que quer.(Sérgio, 9ºA)
Provérbio: L’amour est veugle. Equivalente em português: O amor é cego. Explicação: Quando estamos apaixonados, não vemos os defeitos nem as coisas más da pessoa de quem gostamos. (Carlos e Vincent, 9ºA)
Provérbio: Dans l’adversité, on connait ses amis. Equivalente em português: Nas horas más conhecemos os verdadeiros amigos. Explicação: Só os bons amigos estão connosco até ao fim e nos maus momentos. (Jorge e Ana Cristina, 9ºA)
Provérbio: Qui part a la chasse, perd sa place. Equivalente em português: Quem vai ao mar perde o lugar. Explicação: Significa que quando perdemos uma oportunidade é difícil recuperá-la. (Elisa e Joana, 9ºA)
Provérbio: Il n’y a pás des roses sans épines. Equivalente em português: Não há rosas sem espinhos. Explicação: Não há nada que, por mais perfeito que pareça, o seja. (João David e Marco Vicente, 9ºA)

Aproveitamos para agradecer a todos os professores que colaboraram no acompanhamento dos alunos e que contribuíram para o sucesso desta iniciativa.

Sem comentários:

Enviar um comentário